NANOTECNOLOGIA

Entenda o que é nanotecnologia, seus processos e suas aplicabilidades.

Hoje iremos discutir e falar de uma tecnologia que já faz parte da vida das pessoas: a nanotecnologia. Nanotecnologia pode ser compreendida como o estudo da manipulação da matéria numa escala atômica e molecular, ou seja, é a ciência e tecnologia que foca nas propriedades especiais dos materiais de tamanho nanométrico.

[Texto originalmente publicado na Coluna Ciência e Meio Ambiente da Rádio Estação Cocal]

Nanômetro, uma unidade de medida assim como o quilômetro, o metro e o centímetro, equivale a um bilionésimo de metro, o que abre espaço para muitas possibilidades, mas também traz grandes desafios para conseguir trabalhar em uma escala tão minúscula.

A maior prova dessa dificuldade refere-se ao fato de que apenas laboratórios e indústrias que têm equipamentos de alta precisão conseguem lidar com essa tecnologia. Sendo seu principal objetivo  a criação de novos materiais,  produtos e.

O termo foi citado pela primeira vez por Richard Feynman em Dezembro de 1959 e definido pela Universidade Científica de Tóquio no ano de 1974. Mas foi somente a partir do ano de 2000 que a nanotecnologia começou a ser desenvolvida e testada em laboratórios.

Muitas são as aplicações da nanotecnologia, que vão desde microprocessadores, equipamentos médicos (como cateteres, válvulas cardíacas, marca-passo e implantes ortopédicos), protetores solar, produtos para limpar materiais tóxicos, sistemas de filtração do ar e da água, vidro autolimpante, coberturas resistente a arranhões, curativos antimicrobiano, limpadores de piscinas, desinfetantes e muitas outras aplicações.

Recentemente, a Organização das Nações Unidas – ONU explorou o potencial da nanotecnologia para purificar e tratar águas residuais. O método possibilita manipular átomos e moléculas até ao nível desejado, criando novas formas de utilização a baixos custos.

O estudo prevê aumentar o acesso à água potável e ao saneamento básico, uma das bandeiras do desenvolvimento sustentável. A tecnologia é vista como uma solução sustentável e inovadora para alcançar as metas da organização.

O estudo abrangia a aplicação de nanotecnologia para a remoção de bactérias e de outros poluentes. Além disso, o estudo levou em conta a reutilização de águas residuais, a dessalinização e a prática da agricultura intensiva com menos água.

Porém, algumas dificuldades técnicas foram encontradas, o desenvolvimento da nanotecnologia esbarra em aspectos sociais e ambientais que levantam muitas discussões e questionamentos. Existe muito debate nas implicações futuras da nanotecnologia.

Dentre as discussões, estão às questões sobre a toxicidade e o impacto ambiental causado pelo uso dos nanomateriais e os potenciais efeitos deles na economia global.

Todas essas questões levantam a necessidade de uma regulação sobre nanotecnologia e outras burocracias. Por causa disso, o desenvolvimento dessa área pode demorar.

Mas, independente dessas dificuldades, a nanotecnologia é constantemente impulsionada por seus defensores e por novas necessidades que vão surgindo e aumentando a importância dessa área.

 



Clique na figura abaixo e assine nossa lista de emails para receber nosso ebook "Como criar mapas de localização com ArcGIS 10.x".


Author: Émilin CS

Engenheira ambiental. Têm experiência na área de saneamento e gestão ambiental, buscando soluções usando QGIS e Bizagi. Atua na área de modelagem matemática para rompimento de barragens com software HEC-RAS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *