Como criar uma camada vetorial no QGIS

Aprenda a criar camadas vetoriais utilizando o software Qgis.

Os polígonos são figuras fechadas formadas por segmentos de retas e são caracterizados pelos seguintes elementos: ângulos, vértices, diagonais e lados. Dentre suas inúmeras aplicações na Geografia ou áreas afins, especificamente para o geoprocessamento, podemos citar a definição de limites em diagnósticos ambientais e as áreas de preservação permanente.

Mas como podemos cria-los nos software de geoprocessamento? Isto é, no QGIS?

Os Sistemas de Informações Geográficas (SIG) se baseiam em tecnologias específicas para capturar, modelar, manipular e analisar dados obtidos a partir de referencias geográficas. Eles apresentam papel essencial como ferramenta básica para o planejamento e gestão de recursos naturais, tudo isso, se utilizando de polígonos, que por sua vez, vão auxiliar na confecção de mapas temáticos, diagnósticos ambientais, dentre tantos outros benefícios.

No geoprocessamento, os dados espaciais são representados por meio de vetores ou rasters. Na representação vetorial, existe três formas:

  • Pontos [ . ];
  • Linhas [ — ]; ou
  • Polígono [ o ].

A representação vetorial por polígonos é usada para representar áreas, sendo definidos por um conjunto ordenado de pontos interligados, onde o primeiro e o último ponto coincidem. Nestes polígonos, temos propriedades como área e perímetro.

Dessa forma, o conhecimento dos polígonos auxilia na manipulação de dados e criação da representação e modelagem de dados geográficos. Agora com a explicação do que é um polígono, como ele é representado e suas finalidades, vamos explicar passo a passo como cria-los no QGIS.

Primeiramente, abra o seu QGIS, a versão que vamos utilizar é a 2.18.11 – mas este procedimento pode ser utilizado em qualquer versão. No nosso caso, vamos desenhar um polígono que pode ser utilizado em diversos mapas temáticos, tais como mapas de solos, mapas geomorfológicos, geológicos e de vegetação.

Criando uma camada vetorial

Para a criação de uma camada vetorial, vá em menu ‘Camada > Criar Nova Camada > Shapefile…’ ou utilizar o botão ‘Camada do tipo shape’ conforme imagem abaixo.

Sem título

Na janela que se abrirá, você deve indicar se o seu arquivo será representado por pontos, linhas ou polígonos. No nosso caso, vamos utilizar polígonos, uma vez que representaremos áreas. Assim, em ‘Tipo’, selecione ‘Polígono’.

Sem título

Na aba ‘Especifique o SRC’, deve-se indicar o Sistema de Referência de Coordenadas (SRC) e ao datum sobre o qual elas serão projetadas. Para o Brasil, o sistema SIRGAS2000 é obrigatório (desde 2015).

Sem título

Na codificação de arquivo, deixe o “System”, pois é a codificação característica para Windows e para o português-BR, caso seu computador trabalhe com outro sistema ou idioma, deve-se pesquisar outra codificação. A codificação representa todos os acentos, palavras, caracteres que serão utilizados em seu projeto.

Um detalhe, caso o SIRGAS2000 não estiver aparecendo, basta clicar no globo ao lado do menu, ele irá abrir uma nova janela. Nesta janela, basta procurar pelo sistema de coordenadas e apertar em OK, conforme figura abaixo.

Sem título

Na opção ‘Novo campo’ é possível criar uma tabela com diferentes atributos numéricos e/ou textuais para o seu arquivo vetorial. No nosso caso, não iremos utilizar está opção, uma vez que o foco aqui é ensinar a como criar um polígono, além disso, também podemos inserir atributos posteriormente.

Clicando em ‘OK’ aparecerá uma nova janela onde você precisa indicar a pasta em que o arquivo será salvo, bem como o nome do arquivo. Ao inserir o nome do arquivo que será criado (File name) clique em ‘Save’, para guardar o arquivo na pasta.

Sem título

Em seguida, a camada criada irá aparecer na seção ‘Camadas’, contudo, ela ainda não estará visível na área de visualização porque ela não contém dados (isto é, ela esta vazia).

Sem título

Editando o Arquivo vetorial

A edição de arquivos vetoriais é realizada por intermédio do menu ‘Digitalizar’, representado conforme figura abaixo.

Sem título

Note que as ferramentas estão desabilitadas, mas para iniciar a edição, certifique-se de que a camada que será editada esteja selecionada e então clique no botão ‘Alternar edição’, conforme mostra a figura abaixo.

Sem título

Utilize o botão ‘Adicionar feição’, conforme figura abaixo.

Sem título

É possível construir uma nova feição dando cliques no botão esquerdo do mouse. Quando a feição estiver pronta, deve-se clicar com o botão direito do mouse, feito isto, aparecerá uma nova janela com a lista dos atributos do novo item. Caso não tenha inserido nenhum atributo, vai aparecer unicamente o atributo ‘id’, que representa o valor numérico do item adicionado (lembrando que o ‘id’ é preenchido automaticamente).

Sem título

Em seguida, clique em ‘OK’ – a feição estará pronta e poderá ser salva utilizando o botão ‘Salvar alterações’ e seu arquivo vetorial está pronto para ser utilizado.

No próximo tutorial, ensinaremos a dividir estes polígonos, como evitar intersecções, como excluir feições, adicionar atributos e arquivos de referências.

Qualquer dúvida ou dificuldade, deixe seu comentário que estaremos respondendo.



Clique na figura abaixo e responda nosso questionário para receber nosso ebook "Como criar mapas de localização com ArcGIS 10.x".


Author: Émilin CS

Engenheira ambiental. Têm experiência na área de saneamento e gestão ambiental, buscando soluções usando QGIS e Bizagi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *