O Início do Desenvolvimento Sustentável

Por onde começou o desenvolvimento sustentável? Como ele é definido e por que conhecê-lo?

Desenvolvimento é o processo de melhorar, progredir constantemente. Por exemplo, quando falamos de desenvolvimento econômico, estamos falando de incrementar os ganhos financeiros de uma instituição, empresa, município, estado ou pais.

Muitas vezes, quando medimos o desenvolvimento econômico, levamos em considerações parâmetros como PIB, renda per capita e número de empregos. Porém, alguns parâmetros são deixados de lado, tais como qualidade do ar, área coberta por matas nativas e serviços ecossistêmicos.

O fato dos indicadores convencionais não abordarem questões ambientais fez com que o desenvolvimento econômico ocorresse em detrimento do meio ambiente, o que resultou, por parte de vários pesquisadores e profissionais, na criação do conceito de Desenvolvimento Sustentável.

Mas o que é Desenvolvimento Sustentável? Quem criou ele e quando ele começou?

Desenvolvimento sustentável é garantir as necessidades da geração atual sem comprometer as necessidades das gerações futuras. Esse conceito impõe limites, mas não são valores absolutos, pois tais limites estão relacionados aos avanços tecnológicos e às organizações sociais. Além disso, a própria capacidade do meio ambiente de absorver os impactos antrópicos também muda, alterando os limites previamente citados.

Este conceito vem sendo discutido ao longo do século XX, em função de diversos fatores, como a criação de instituições que apoiam o meio ambiente, bem como assinatura de convenções. Alguns fatos são:

  • Criação das Nações Unidas (1945);
  • Criação da Organização para Agricultura e Alimentação (FAO – 1945);
  • Criação da União Internacional para Conservação da Natureza (1948);
  • Criação da Organização Mundial da Saúde (OMS – 1948);
  • Convenção de Minamata sobre Mercúrio (1949);
  • Grande Nevoeiro (smog) em Londres (1952);
  • Publicação do livro “Primavera Silenciosa” por Rachel Carson (1962);
  • Publicação do artigo “Tragédia dos Comuns” por Garett Hardin (1968);
  • Publicação do Relatório do Clube de Roma (ou Meadows) intitulado “Os Limites do Crescimento” (1972);
  • Crise do Petróleo (1973);
  • [ ….. ]

E a lista vai se estendendo. Temos ainda a Conferência de Estocolmo em 1982; Desastre em Bhopal (1984); Explosão do reator nuclear em Chernobyl (1986); Conferência das Nações Unidas Rio +20 (2012).

Com certeza há muitos outros eventos, sendo que após a criação de instituições voltadas para o desenvolvimento sustentável, diversos pesquisadores e profissionais começaram a se especializar no ramo e, consequentemente, artigos, livros, eventos foram difundidos para a conscientização da população.

Conforme as discussões eram realizadas, o conceito de desenvolvimento sustentável foi se moldando, sendo ele apresentado no Relatório Brundtland (Nosso Futuro Comum) em 1987. E é deste relatório que parafraseamos o conceito de desenvolvimento sustentável descrito no início da postagem.

Embora pareça um conceito voltado para o meio ambiente, a ideia de desenvolvimento sustentável também ampara-se em outros dois pilares, um econômico e outro social. Ou seja, desenvolvimento sustentável também significa crescimento econômico e inclusão social. São pilares que devem ser abordados em conjunto, não separadamente.

Com certeza, o tema desenvolvimento sustentável vai ser discutido por muito tempo ainda, moldando-se, e o conhecimento de suas origens é importante.

Mas por que conhecer a história do desenvolvimento sustentável? A frase abaixo, do autor James Altucher, explica melhor o que queremos dizer.

“Study the history of the form you want to master.” James Altucher, do livro Choose Yourself.

Estude a história daquilo que você quer se tornar o melhor. Se queremos desenvolver uma sociedade, empresa, tecnologia mais sustentável, precisamos conhecer um pouco do que já vem sendo discutido. Por que inventar a roda quando já inventaram ela?

Fontes consultadas:

ANCTIL, François; DIAZ, Liliana. Développement Durable: Enjeux et Trajectoires. 2 ed. Presses de l’Université Laval. 2016. 174 p.

Report of the World Commission on Environment and Development: Our Common Future. Disponível em: <http://www.un-documents.net/our-common-future.pdf>. Acesso em 05 jun. 2017.

BÄRLUND, Kaj. Sustainable development – concept and action. Disponível em: <http://www.unece.org/oes/nutshell/2004-2005/focus_sustainable_development.html >. Acesso em 05 jun. 2017



Clique na figura abaixo e assine nossa lista de emails para receber nosso ebook "Como criar mapas de localização com ArcGIS 10.x".


Author: Fernando BS

Engenheiro Ambiental e de Segurança do Trabalho. Atua nas áreas de recuperação ambiental, geoprocessamento e ciência do solo. Busca soluções utilizando softwares como ArcGIS, R e MATLAB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *